Finalíssima 2022: Itália e Argentina se enfrentam nesta Quarta em Wembley

0

A Finalíssima é um único jogo, entre a seleção campeã da Eurocopa e, a seleção campeã na América do Sul. Nesta primeira edição, Itáli e Argentina disputarão o título em Wembley na Inglaterra.

Itália e Argetina disputarão a primeira edição UEFA Finalíssima.

Seleção Italiana do craque Jorginho

Atualmente a seleção da Itália ocupa o 6º lugar no Ranking da FIFA.

COPA DO MUNDO: A azzuri é tetra campeã mundial, títulos conquistados nos anos: 1934, 1938, 1982, 2006;
EUROCOPA: Os italianos conquistaram duas vezes a Eurocopa, nos anos: 1968 e 2021.

O técnico Roberto Mancini assumiu a seleção após o fracasso em 2018, não se classificando para a Copa do Mundo daquele ano. Mancini teve sucesso em clubes na Itália, Inglaterra e Turquia. É considerado um dos melhores atacantes de sua geração.

O brasileiro naturalizado italiano Jorginho, sem dúvidas é uma das peças-chave dessa seleção. Durante as partidas, está constantemente falando e orientando seus companheiros no campo, um verdadeiro maestro nesse meio campo italiano. Jorginho é o atual vencedor do prêmio de Melhor Jogador do Ano da UEFA em 2020/21.

Roberto Mancini e Jorginho em partida pela Eurocopa.

Curiosidades

  • A Itália tornou-se na primeira seleção a vencer duas disputas por penáltis em uma única fase final na EURO 2020.
  • Leonardo Bonucci (34 anos e 71 dias) estabeleceu um recorde italiano ao fazer o 18º jogo na fase final no EURO 2020 e tornou-se também no jogador mais velho a marcar na grande Final.
  • Jorginho, meia do Chelsea, tornou-se o décimo jogador a atuar pela equipe vencedora da Liga dos Campeões e da Eurocopa no mesmo ano.
  • A derrota para a Espanha na semifinal da UEFA Nations League pôs fim ao recorde mundial da Itália de 37 jogos sem perder

Seleção Argentina do craque Lionel Messi

Atualmente ocupa o 4º lugar no Ranking de Seleções da FIFA.

COPA DO MUNDO: Os hermanos são bi-campeões mundial, venceram nos anos: 1976 e 1986.
COPA AMÉRICA: A seleção argentina conquistou 15x a Copa América.

Lionel Scaloni, técnico da seleção da Argentina, passou vários anos a serviço na Europa, sendo até auxiliar de Jorge Sampaoli em 2016 no Sevilla da Espanha. Em 2017, foi para auxiliar da Seleção e em 2018, assumiu o comando técnico da seleção. No ano passado, encerrou o jejum de 28 anos sem a seleção conquistar títulos.

O principal craque da seleção é sem dúvidas Lionel Messi, que dispensa apresentações. O atacante de 34 anos está no PSG, e fez uma temporada muito abaixo do seu padrão, balançando a rede apenas 13 vezes na temporada.

Lionel Messi e Lionel Scaloni na comemoração do título da Copa América 2021.

Curiosidades

  • A final da Copa América do ano passado foi o 34º jogo de Lionel Messi na fase final, igualando o recorde do chileno Sergio Livingstone.
  • Messi foi o artilheiro da Copa América de 2021 e foi o primeiro jogador argentino a deter este recorde desde Gabriel Batistuta em 1995.
  • Messi foi eleito Jogador do Torneio da Copa América pela segunda vez depois de ter também conquistado o prêmio em 2015. Em 1993, Sergio Goycochea havia sido o último jogador argentino a ser eleito o melhor da fase final.
  • O goleiro Emiliano Martínez arrecadou o prêmio de melhor goleiro da Copa América de 2021 após não ter sofrido gols em quatro jogos e ter defendido três pênaltis na decisão por pênaltis na vitória sobre a Colômbia nas semifinais. É o único goleiro argentino a ter ganho o prêmio.
  • A Argentina venceu os seus últimos quatro confrontos com a Itália. Os três mais recentes foram amistosos e no primeiro da sequência venceu por 4-3, após pênaltis, nas semifinais doa Copa do Mundo de 1990. A seleção Alviceleste não perde para os Azzurri desde 1987.

Detalhes sobre a Finalíssima

A partida irá ocorrer no Estádio Wembley em Londres na Inglaterra, no dia primeiro de Junho, quarta-feira. A bola irá rolar a partir das 15:45 do horário de Brasília.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.